sexta-feira, 22 de julho de 2016

Manha

Átrio, atributo do inacabado,
lapidar radiante do verbo sem sentido.
Infinito obsessivo do ponto contínuo.

Gesto fálico da manhã insípida.

Nenhum comentário: